[REIVINDICAÇÃO] Secretária Ana Claúdia solicita a Prefeitura de Campina Grande que faça a ligação de energia em obra concluída pelo Governo do Estado

Na manhã da última segunda-feira (17), uma comitiva de auxiliares do Governo do Estado, ao lado de membros da oposição na Câmara, estiveram presentes em uma série de vistorias a locais e obras na cidade de Campina Grande. As visitas contaram com a presença de Israel Costa, Gerente Regional da SUPLAN, acompanhado da Secretária da SEDAM Ana Claúdia Vital, responsável pela articulação do encontro, do Secretário Executivo da SEDAM Galego do Leite, dos Vereadores Anderson Pila (PODEMOS), Hilmar Falcão (DC), as Vereadoras Jô Oliveira (PCdoB), Dona Fátima (PODEMOS), Valéria Aragão (PTB) e o Coordenador de Gestão Dr. Valdé.

Membros da Comitiva que fizeram as visitas no dia de ontem. Vereadora Valéria Aragão (PTB), Vereador Anderson Pila (PODEMOS), Vereadora Jô Oliveira (PCdoB), Secretário Galego do Leite, Secretária Ana Claúdia Vital, Gerente da SUPLAN Israel Costa, Vereador Hilmar Falcão (DC), Vereadora Dona Fátima (PODEMOS)

A comitiva visitou as obras de conclusão da via do Eixo Norte Nações, uma pista com cerca de 3,8 km, que se inicia no “Lindão”, no Bairro das Nações, passando pelo Bairro Jardim Continental, Alto da Serra, Bairro do Araxá, finalizando no bairro do Bodocongó, proxímo a entra do Hospital da FAP. A obra de mobilidade urbana que teve a sua primeira fase entregue no ano de 2019, facilitou a locomoção dos moradores dessa região, além de ser uma nova opção de acesso a visitantes oriundos da região do Brejo, desafogando o trânsito nas áreas centrais da cidade e diminuindo o tempo de percurso para os que seguem viagem.

Na área do Bairro Jardim Continental, a Secretária Ana Claúdia, em conjunto com os vereadores e vereadoras, puderam mais uma vez verificar a ausência de iluminação pública na rede de postes instalados pelo Governo do Estado, no trecho da obra que foi concluído ainda no ano de 2019 e que desde o referido ano, a Prefeitura de Campina Grande, responsável pela iluminação pública, não conclui a instalação da rede elétrica, prejudicando toda a comunidade.

As informações foram divulgadas pela Secretária Ana Claudia Vital, em um vídeo publicado em suas redes sociais, onde ao lado da bancada de oposição, puderam ouvir de Israel Costa, as explicações sobre a demanda dos moradores. Segundo Israel, esse trecho da obra foi entregue ainda no ano de 2019 pelo Governo do Estado, mesmo período em que a SUPLAN solicitou a Prefeitura a ligação da rede elétrica, Israel afirma que a rede de postes, isoladores, “canelas” e o transformador elétrico seguem instalados e funcionando, restando apenas a prefeitura a ligação em rede. O mesmo ainda informou que apenas na última semana, dois anos depois da solicitação do órgão, foi que a Prefeitura divulgou em seu semanário informações do serviço, mas que até então segue sem conclusão.

Secretária da SEDAM-PB, Ana Claúdia Vital

A Secretária Ana Claúdia, ainda aproveitou para reforçar a responsabilidade do governo municipal, na ausência da conclusão do serviço, reiterando a necessidade da comunidade que constantemente tem buscado o Governo Estadual por uma solução da demanda, além disso a bancada de oposição presente na visita, se comprometeu em reforçar o pedido no plenário da Câmara Municipal e através dos instrumentos institucionais que deverão ser enviados pelos vereadores.

Confira o Vídeo:

Redação Gabinete Paraíba

[FRAUDES] Lista do TCE constata que gestão de Bruno Cunha Lima é a campeã em número de CPF’s de falecidos entre os vacinados na PB

Um relatório produzido por auditores do Tribunal de Contas do Estado (TCE) e divulgado no início deste mês revelou inconsistências na distribuição de doses de vacinas contra a covid-19, em dezenas de municípios paraibanos. A mais ‘curiosa’ delas, a presença de 341 imunizados com CPFs de pessoas falecidas. Um dado que chama atenção é que a cidade de Campina Grande administrada pelo prefeito Bruno Cunha Lima (PSD) é campeã na Paraíba no número de fura-filas (50 casos), vale ressaltar que a gestão municipal já responde há várias ações junto ao Ministério Público pela má condução na pandemia.

O município que mais registrou casos de fura-filas foi Campina Grande (50 casos). Depois, João Pessoa (40 casos). A partir dos dados, uma força-tarefa comandada pelo TCE-PB foi montada para investigar os casos. Veja: (https://tce.pb.gov.br/noticias/tce-pb-encontra-irregularidades-na-vacinacao-contra-covid-19-e-reune-orgaos-de-controle-para-intensificar-fiscalizacao/view)

Outros erros da gestão de Bruno com a pandemia

Fura Filas – Recentemente o MP entrou com ação, para investigar a denuncia, onde segundo populares, aliados do prefeito, teriam tido o aval para furar a fila da vacinação das doses recebidas pelo Governo Federal para a primeira etapa do programa nacional de imunização contra a Covid-19. “Formalizei denúncia no ministério público, com as provas colhidas e produzidas, pelos próprios vacinados, que furaram a fila de prioridade na vacinação contra à COVID-19 em Campina Grande. Ser amigo do Rei, garantiu essa prioridade”, disse a médica Tatiana Medeiros.

“Kit-covid” na gestão de Bruno – O Ministério Público da Paraíba (MPPB) estipulou um prazo entre 30 e 90 dias para concluir o procedimento inicial de uma denúncia realizada contra a Prefeitura de Campina Grande (PMCG), por meio da Secretaria Municipal da Saúde (SMS). Segundo a denúncia, mesmo sem eficácia comprovada, o Hospital Municipal Pedro I, no bairro de São José, estaria mantendo a prescrição do chamado “kit-covid” para pacientes com sintomas da doença. Na semana passada, em depoimento a CPI da Covid, instalada no Senado Federal, o diretor-presidente da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), Antônio Barra Torres, surpreendeu integrantes da CPI ao criticar as falas e ações negacionistas do chefe do Executivo e pedir para que ninguém siga suas orientações.

Segundo o Ministério Público, a Notícia de Fato (NF) está sendo analisada pela Promotoria de Justiça de Campina Grande, através da promotora de Justiça de Defesa da Saúde de Campina Grande, Adriana Amorim de Lacerda. Além do hospital, a promotora deve ouvir o Conselho Regional de Medicina da Paraíba (CRM-PB). De acordo com o CRM, a prescrição do “kit-covid” é permitida pelo Conselho Federal de Medicina (CFM), contanto que o médico informe ao paciente a falta de evidências científicas e os efeitos colaterais. O mais curioso é que a distribuição dessas substâncias foi confirmada pelo próprio Bruno, que fez uma transmissão ao vivo por meio das suas redes sociais em frente à unidade hospitalar. Veja: https://g1.globo.com/pb/paraiba/noticia/2021/03/27/prefeitura-de-campina-grande-distribui-remedios-sem-eficacia-comprovada-para-covid-19.ghtml

Redação 

Secretário Thiago Diniz convida população de JP para lançamento do programa “Você Prefeito”

O Secretário Executivo da Participação Popular, Thiago Diniz (Cidadania), convidou na manhã desta terça-feira (18), a população da cidade de João Pessoa para o lançamento do “Você Prefeito”.

O novo programa municipal será lançado nesta quarta-feira (19) às 10h da manhã, por meio do instagram oficial da Prefeitura Municipal de João Pessoa.

Card de Divulgação.
Imagem: Prefeitura de João Pessoa/Reprodução.

“Convidamos toda a população de João Pessoa a participar do lançamento do programa “Você Prefeito” da Secretaria Executiva da Participação Popular. Vista a camisa da cidadania e participe das discussões coletivas e tomadas de decisão de governo”, conclamou Diniz.

De acordo com o gestor, a iniciativa do poder executivo municipal contará com mais de 190 conselheiros e conselheiras regionais, 28 municipais, 19 articuladores e um combo de oportunidades para a população participar, sugerir, demandar e dialogar. Além disso, terá eleição dos conselhos regional e municipal, Participação Popular Pedagógica, Participação Popular Temática, Participação Popular da Criança e do Adolescente (PPCA), Gestor Mirim, CaraPop (caravana popular) dentre outras coisas.

Redação Gabinete Paraíba