Em carta, Vereador Jônatas Fontelles denuncia golpe e renuncia cargo na diretoria estadual do PSB

O vereador do município de Frei Martinho, Jônatas Fonteles, que ocupava o cargo de Secretário Estadual do segmento LGBT do Partido Socialista Brasileiro (PSB), renunciou nesta quarta-feira (22), o referido cargo, ao lado de outros filiados da legenda.

Vereador Jônatas Fontelles. Foto: Reprodução.

A motivação se deu, de acordo com a carta publicada pelo vereador e os demais integrantes, devido ao golpe que ele e seus companheiros, que estavam à frente da comissão provisória do LGBT Socialista Estadual, sofreram por parte da diretoria estadual da legenda, nas pessoas do Deputado Federal Gervásio Maia (Presidente), Deputado Estadual Buba Germano (Tesoureiro) e de Gilma Germano, que é vice-presidente da sigla.

De acordo com o documento, a direção estadual simplesmente desrespeitou a comissão já instituída e se articulou para fazer a substituição da mesma por outros filiados.

No mesmo documento, os membros ainda afirmaram não concordar com o modus operandi dos atuais mandatários do PSB no estado e de seu centralismo, autoritarismo e envolvimento com oligarquias – conforme o que foi descrito – carregando preconceitos contra as mulheres, contra a população LGBTQIA+ e ainda assegurando as velhas práticas de negociação partidária e da política.

Segmento LGBT do PSB. Foto: Reprodução.

Assinaram a carta, além de Fontelles, o Diogo Azevedo, Secretário Geral Estadual, o Bruno Ruan, Coordenador de Mobilização e a Flávia Dantas, Coordenadora de Formação Política.

CONFIRA A CARTA

Carta Renúncia. Foto: Jônatas Fontelles.

FUTURO DO GRUPO

Indagado sobre seu futuro após sair do PSB, o parlamentar de Frei Martinho declarou que ainda não sabe o rumo que irá tomar diante de sua vida partidária, mas que em breve haverá de comunicar a toda a sua militância.

Redação Gabinete Paraíba

Desporto e Paradesporto da SEJEL planejam calendário de ações para 2022

Integrantes das gerências do Desporto Físico e do Para-Desporto da Secretaria de Estado da Juventude, Esporte e Lazer (Sejel) reuniram-se na manhã dessa terça-feira (21), na Vila Olímpica Parahyba, para realizar o planejamento do calendário de ações a serem desempenhadas em 2022. A reunião foi conduzida pelo professor José Hugo Coelho e contou com a participação do secretário executivo de esporte e lazer, José Marco.

José Hugo e o Secretário José Marco.
Foto: Ascom-Sejel.

Na pauta, foram elencados os principais eventos que a SEJEL irá realizar durante o próximo ano, como a retomada dos Jogos Indígenas, dos Ciganos, das Reeducandas e Socioeducativos, além da Copa Raimundo Braga  Sub-15, dos Jogos dos Servidores Estaduais, Jogos Paralímpicos da Paraíba, bem como os Jogos Escolares e Paraescolares da Paraíba.

A pasta ainda planeja realizar mais uma edição do Prêmio Melhores do Esporte, e ainda novos projetos. Já o Bolsa Esporte, que contempla quase 300 atletas, técnicos e para-atletas continuará com sua execução.

Equipe do Desporto e Para-desporto da SEJEL.
Foto: Ascom-Sejel.

Redação Gabinete Paraíba com Ascom-Sejel

Jogadora do Treze e do Clube Atlético Maníacos é destaque Nacional no Beach Soccer Feminino

Nathalia da Silva Costa, este é o nome da jogadora de futebol do Treze de Campina Grande, que também defende as cores do Clube Atlético Maníacos, no futebol de areia de João Pessoa, que vem sendo destaque nacional no Beach Soccer Feminino em 2021.

Nathy Silva. Foto: Boa Vista.

A atleta de apenas 21 anos é natural da cidade de Tutóia, no Maranhão (um celeiro de grandes atletas, que já revelou nomes como Adriele Rocha, que figura como uma das melhores do mundo atualmente e que já atuou também no Clube Maníacos) e escolheu João Pessoa, desde 2018, para viver sua vocação desportiva.

PARCERIA IMPORTANTE

Com a parceria realizada pelo Treze Futebol Clube e pelo Atlético Maníacos com o Clube Boa Vista/Zico 10 do Rio de Janeiro, a jovem atleta pôde disputar o Campeonato Brasileiro de Beach Soccer Feminino, realizado em Boa Viagem (PE) entre 15 e 19 de dezembro, que contou com a participação do Treinador da Seleção Brasileira da modalidade, Fabrício Santos e do Presidente da Confederação, Rodrigo Royo.

Melhores do Brasileirão. Foto: Boa Vista.

Nathy Silva, como é conhecida, foi líder em assistências durante a competição, figurou entre as melhores marcadoras e foi a grande revelação do campeonato. Ao que tudo indica, está muito próxima de ser convocada para a Seleção Brasileira, pela atuação destacada que vem tendo tanto em campo quanto nas areias.

Redação Gabinete Paraíba

Rafaela Camaraense participa de eleição da nova diretoria do Fórum Nacional de Gestores de Juventude

A Secretária de Juventude do Governo da Paraíba, Rafaela Camaraense, participou nessa quinta-feira (09), da eleição da nova mesa diretora do Fórum Nacional de Gestores e Gestoras Estaduais de Juventude (FORJUVE).

Rafaela Camaraense. Foto: Ascom.

A reunião aconteceu nas dependências do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, em Brasília, durante encontro promovido pela Secretaria Nacional de Juventude (SNJ).

O Forjuve foi reorganizado após 02 anos inativo e trata-se de um espaço formado por gestores e gestoras estaduais de juventude, com a finalidade de acompanhar políticas públicas, promover a cooperação técnica e política entre gestores, subsidiar a formulação da política nacional de juventude e buscar estratégias de cooperação internacionalmente com entidades que tenham fins semelhantes.

A Secretária Rafaela destacou a importância de sua participação no encontro da SNJ e na eleição do Forjuve e ainda avaliou a relevância do Fórum para as pautas da juventude em 2022.

“Vimos aqui com o desejo de construir e trocar experiências da gestão de Juventude com os companheiros e companheiras de outros estados e de buscar da SNJ investimentos para nossas Juventudes. Tivemos também a oportunidade de eleger colegas valorosos para o Fórum dos Gestores, que a partir de agora terão uma missão muito importante de correr atrás de minimizar os efeitos desastrosos que a pandemia da Covid-19 trouxe para a vida de nossos jovens, principalmente no que diz respeito ao grande desemprego, problemas educacionais e referentes à saúde mental. A Paraíba estará presente nas discussões, ao lado da nova diretoria, mas ao mesmo tempo cobrando da mesma efetividade na luta por uma vida mais digna para nosso segmento juvenil em 2022”, pontuou.

SOBRE A ELEIÇÃO

Gestores Estaduais de Juventude do Brasil.
Foto: Forjuve.

Participaram da eleição do Forjuve, 17 estados brasileiros, que referendaram o pleito, elegendo a mesa diretora, sendo composta por Presidente, Vice-Presidente, Secretaria Geral e um Representante para cada Região Brasileira. O mandato se estende até o dia 05 de janeiro de 2023.

Neste sentido, foram votados para a mesa diretora e eleitos para as seguintes atribuições, os representantes a seguir:

Presidente: Eduardo Vasconcelos (PE);

Vice-Presidente: Sandro Samuel Tives (PR);

Secretário Geral: Caio César (AC);

Vice-Presidentes Regionais:

Região Sul: Amilto Ramos dos Santos (RS);

Região Sudeste: Giovanni Lima da Silva (ES);

Região Centro Oeste: Ian Odara (MS);

Região Nordeste: Fernanda Sampaio (BA);

Região Norte: Tameson Gabriel Barbosa (RO);

Representante do Forjuve no Conselho Nacional de Juventude: Tatiana de Jesus (MA).

De acordo com Gabriel Araújo, Subsecretário de Juventude do Rio Grande do Norte, “O Fórum terá como missão, seguir a sua tarefa de construção das Políticas Públicas em defesa da juventude do Brasil e de seus direitos”.

ASCOM Rafaela Camaraense

Ruan Martins comemora o pagamento do Auxílio Brasil

Na última quarta-feira (08), o Ministro da Cidadania recebeu o suplente de vereador de João Pessoa, Ruan Martins (DEM). Na pauta, a implantação do Novo Auxílio Brasil. “Estamos aqui no Ministério da cidadania, recebendo o nosso amigo Ruan. E conversando sobre a implantação do auxílio Brasil e que graças há um esforço coletivo, encabeçado pelo presidente Jair Messias Bolsonaro determinado em ajudar os mais necessitados e com o apoio do congresso nacional, onde eu agradeço o apoio dos deputados e senadores”, destacou João Roma.

Ministro João Roma e Ruan Martins. Foto: Ascom.

O Ministério da Cidadania e a Caixa Econômica Federal começam a pagar nesta sexta-feira (10) o Auxílio Brasil de, no mínimo, R$ 400 a famílias que fazem parte do CadÚnico e têm direito ao benefício. O calendário é o mesmo do antigo Bolsa Família e vai até o dia 23 de dezembro.

Essa é a segunda rodada de pagamentos do Auxílio Brasil e a primeira em que os beneficiários começam a receber os R$ 400 prometidos pelo governo Bolsonaro. Receberão o valor maior 14,5 milhões de famílias que já faziam parte do Bolsa Família e que receberam o Auxílio Brasil em novembro.

Para Ruan Martins o Programa Federal de transferência de renda vai melhorar a qualidade de vida das famílias. “Aproveito a oportunidade para agradecer Ministro o seu empenho e dedicação. Porque 400 reais vai contribuir muito na segurança alimentar na vida das pessoas que mais precisam”, agradeceu.

De acordo com o ministro baiano, o Auxílio Brasil vai melhorar a vida de quem mais precisa. “Nós começamos a pagar, já agora dia 10 de dezembro, o Novo Auxílio Brasil com o valor mínimo de 400 reais para todas as famílias beneficiadas, isso significa um grande avanço e um reforço nas políticas de transferência de renda e assistência social”, afirmou o gestor.

Quando começa o pagamento do Auxílio Brasil em dezembro?

NIS com final 1: 10 de dezembro
NIS com final 2: 13 de dezembro
NIS com final 3: 14 de dezembro
NIS com final 4: 15 de dezembro
NIS com final 5: 16 de dezembro
NIS com final 6: 17 de dezembro
NIS com final 7: 20 de dezembro
NIS com final 8: 21 de dezembro
NIS com final 9: 22 de dezembro
NIS com final 0: 23 de dezembro

Redação Gabinete Paraíba com Ascom

Na Câmara dos Deputados, Ruan Martins debate acesso de pessoas com deficiência às bibliotecas

Em visita à Brasília, Ruan Martins (União Brasil) participou de uma audiência pública da Comissão de Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência da Câmara dos Deputados, realizada nessa terça-feira (07), que teve como discussão central, o debate sobre as políticas públicas para tornar acessíveis as bibliotecas do país.

Ruan Martins. Foto: Ascom.

A deputada Rejane Dias (PT-PI), que foi a autora do pedido da audiência, afirmou que que, “segundo dados levantados em 2019 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), pelo menos 45 milhões de pessoas têm algum tipo de deficiência (ou seja), quase 25% da população do país”.


Em sua participação, Ruan comentou que “atualmente, a maior dificuldade encontrada pelas pessoas com deficiência reside na ausência de ações e investimentos direcionados a uma melhor acessibilidade principalmente estrutural, com instalação de elevadores adequados nas bibliotecas, mas também com relação ao acesso eletrônico à informação, onde as pessoas com deficiência auditiva e visual, por exemplo, não têm como acessar o acervo ou mesmo fazer qualquer consulta, nas Bibliotecas. Portanto, reuniões como esta de hoje, são fundamentais na formatação de políticas públicas relacionadas à inclusão de pessoas com deficiência”.

Redação Gabinete Paraíba com Ascom

Estado da Paraíba avança na construção do Plano Estadual de Juventude

A Secretaria de Estado da Juventude, Esporte e Lazer da Paraíba (SEJEL) numa parceria com o Serviço Pastoral dos Migrantes do Nordeste (SPMNE), a Cáritas da Alemanha e a Secretaria Executiva do Orçamento Democrático Estadual (SEODE), tem percorrido todo o estado discutindo a elaboração do Plano Estadual Decenal de Políticas Públicas para a Juventude da Paraíba e o Plano Estadual de Enfrentamento às Violências contra as Juventudes.

Nesta segunda-feira (06), a equipe responsável pelo Plano esteve na região do seridó e curimataú, na cidade de Picuí, onde foi realizada uma plenária, na Câmara Municipal do município, com diversos jovens, gestores de juventude, conselheiros tutelares e vereadores dos municípios de Cuité, Pedra Lavrada, Cubati, Damião, São Vicente do Seridó, Frei Martinho, além dos representantes da terra da carne de sol, que foram os anfitriões.

Plenária com Jovens. Foto: Hiago Santos.

A Secretária de Juventude do Governo da Paraíba, Rafaela Camaraense (Cidadania), que é natural do município de Cuité, no Curimataú, esteve presente na solenidade e ressaltou a importância da implementação do projeto.

“Estamos deixando um marco na história da Paraíba e na política de Juventude do nosso estado. O Plano Decenal de Juventude será uma grande conquista da juventude paraibana e nós temos a felicidade de estar levando a frente essa iniciativa e em breve estaremos entregando esse material construído por jovens de todo o estado, ao governador João Azevêdo, que com certeza abraçará com muito carinho esse projeto, garantindo uma vida mais digna para as Juventudes de nossa terra”, destacou.

Rafaela Camaraense. Foto: Hiago Santos.

A Educadora Social do Serviço Pastoral dos Migrantes do Nordeste, Anne Suellen, destacou que “a elaboração do plano vai favorecer as reais necessidades da juventude da Paraíba e é uma construção que surge da iniciativa da sociedade civil para o Governo do Estado. A parceria que estamos realizando com a Secretaria de Juventude é muito importante pra que a gente consiga criar e efetivar o Plano Decenal, além da importância de construir através desse processo, o Plano de Enfrentamento às Violências contra as Juventudes”.

Anne Suellen. Foto: Hiago Santos.

Já o Gerente Regional do Orçamento Democrático Estadual, Luciano Alves, enfatizou a relevância da participação popular na efetivação do projeto. “A democracia participativa possibilita que os jovens protagonizem um movimento que culminará na efetivação de políticas públicas para o segmento e para nós, do ODE, é uma grata satisfação colaborar nesse momento tão especial”.

Luciano Alves. Foto: Hiago Santos.

O jovem e conselheiro tutelar de Picuí, Jokinha Dantas, deu destaque ao processo de interiorização da política de Juventude. “Nós estamos vivenciando um momento muito diferenciado, no qual temos visto, através da gestão da companheira Rafaela, a interiorização da Secretaria de Juventude em regiões que não tinham acesso a construções como esta que estamos vivenciando em Picuí e nesse sentido, a juventude da Paraíba só tem a ganhar”.

Jokinha Dantas e Rafaela Camaraense.
Foto: Hiago Santos.

OUTRAS PARTICIPAÇÕES

Marcaram presença durante o evento, os vereadores de Picuí, Diogo, Wagner, Raniery e Jean, além da Primeira Dama de Cuité, Erivaneide Rodrigues, o vice-prefeito de Cuité, Renan Furtado e o vereador Dagmando Lopes.

ETAPAS REGIONAIS

Além da cidade de Picuí, já foram realizadas plenárias nas cidades de Caldas Brandão e Borborema. Nesta terça (07), será a vez de Areia e até janeiro a equipe ainda visitará os municípios de Monteiro, Sousa, Cajazeiras, Patos, Pombal, Juru, Soledade, Campina Grande e Mamanguape. Também será realizada uma grande plenária na região de João Pessoa, para que os jovens apresentem suas propostas para o Plano Estadual Decenal de Políticas Públicas para a Juventude da Paraíba.

PROCESSO ABERTO PARA A CONSTRUÇÃO

A SEJEL e o SPMNE ressaltam a importância da participação dos municípios e das entidades juvenis da Paraíba, para integrarem a construção do Plano e deixam o canal de diálogo aberto através dos telefones: (83) 99191-0897 (SEJEL) e (83) 98885-9532 (SPMNE), além dos e-mails: executivajuventude@sejel.pb.gov.br e enfrentamentoaviolencia2022@gmail.com.

Redação Gabinete Paraíba

Em reunião, Ruan Martins solicita calçamento das ruas no bairro Alto do Mateus

Na última terça-feira (30), o líder comunitário do Alto do Mateus, Ruan Martins, participou de uma reunião temática com algumas das secretarias da Prefeitura Municipal de João Pessoa, a exemplo da Infraestrutura, Habitação, Saúde e Desenvolvimento Social, oportunidade na qual aproveitou para solicitar o calçamento das ruas do seu bairro.

Ruan Martins. Foto: Ascom.

Para o morador, é muito importante que a gestão municipal chegue com investimentos estruturantes para uma melhor qualidade de vida da população do Alto do Mateus.

“O calçamento das ruas é muito significativo na vida do cidadão que só leva poeira na cara, quando faz sol, além da lama, quando chove. Aproveitamos o momento e solicitamos a pavimentação de todas as ruas do nosso querido e amado Alto do Mateus”, afirmou Martins.

O encontro foi realizado na Associação Chievo Verona, no próprio Alto, e promovido pela Secretaria Executiva da Participação Popular (SEPP), para um diálogo com os conselheiros e moradores da 6ª, 8ª e 9ª regiões de João Pessoa.

Redação Gabinete Paraíba

Ana Cláudia lamenta descaso com a educação em Campina e revela prejuízos com o desabastecimento das merendas nas escolas e creches da cidade

A Secretária de Estado do Desenvolvimento e Articulação Municipal (SEDAM), Ana Cláudia Vital, veio a público nesta quinta-feira (02) lamentar mais um prejuízo para os estudantes da rede municipal de ensino, que devido ao descaso da Prefeitura Municipal de Campina, estão sem merendas nas creches e escolas municipais da cidade. Ela lembra que ontem (01), uma emissora de televisão da cidade trouxe MAIS UMA VEZ o descaso dos fornecedores contratados pela Secretaria de Educação (SEDUC) na entrega e distribuição da merenda escolar nas creches e escolas de Campina Grande.

Segundo Ana Cláudia, o próprio Sintab, como membro do Conselho de Alimentação Escolar (CAE), vem desde o último dia 19, alertando a SEDUC, de inúmeras denúncias recebidas da comunidade escolar diante da ausência de itens obrigatórios que compõe a merenda escolar, o que deixando milhares de alunos da rede municipal de ensino em situação de insegurança alimentar.

Ana Cláudia cobra uma ação mais incisiva por parte da gestão municipal no entendimento de que as crianças não podem ser prejudicadas pela má gestão na entrega dos itens. “Quem tem fome (no caso os alunos) tem pressa, senhor prefeito! Não basta a recente denúncia de embalagens de carnes adulteradas e os restaurantes populares continuarem fechados, agora os alunos e funcionários dessas creches e escolas estão sofrendo com essa triste realidade”, disse Ana.

Segundo a denúncia do Sintab, o problema foi verificado em diversas unidades, mas há indícios de que possa estar ocorrendo em toda a rede de ensino. A título de exemplo, a Creche Maria Emília Pedrosa, no Araxá, está há 25 dias sem carne, 20 dias sem verduras e desde a semana passada estão à espera de outros itens alimentícios. A Creche Alcides Cartaxo, no Cinza, falta carne, alho, coentro, arroz, leite, carne sem osso e filé de peito de frango. A última entrega foi realizada no dia 26 de outubro, quando foi distribuída frutas no local. Já na Creche Cotinha Carvalho, no Pedregal, falta carne, arroz, ovos, alho, coentro enquanto que as polpas de frutas foram doadas pela comunidade. A última entrega de carnes foi realizada no dia 07 de outubro, onde o fornecedor se negou a pesar os produtos. Por fim, a Creche Célia Marcia Santos Cirne, no José Pinheiro, a última entrega de cereais ocorreu no dia 26 de outubro, e a de carnes no dia 01 de outubro. Faltam ovos e leites para 157 crianças e, quando cobrada, a SEDUC não dá retorno nem explicações. Os alimentos que se encontram na despensa foram doados pela comunidade. Assista a denúncia: https://globoplay.globo.com/v/10092211/

Restaurantes populares – Recentemente Ana Cláudia ao lado do Secretário Executivo da SEDAM, Galego do Leite, de Dr. Valdé Silveira, Coordenador de Gestão estadual e de Hênio Ferreira, diretor do restaurante popular, visitaram o Restaurante Popular do Governo do Estado em Campina e que fornece 1.500 refeições ao dia ao preço único de apenas R$ 1,00. Em entrevista, Ana Cláudia destacou que o valor cobrado de R$ 1,00 é simbólico, o mesmo valor que era praticado nos dois restaurantes populares e nas 9 cozinhas comunitárias, que funcionavam na gestão do ex-prefeito e hoje Senador Veneziano e fechados na gestão do ex-prefeito Romero Rodrigues até a presente data.

Ana Cláudia renovou o apelo para que o atual prefeito reabra os restaurantes e cozinhas comunitárias. “Não se justifica a Prefeitura, até hoje, não ter tomado nenhuma providência para reabrir os restaurantes e as cozinhas comunitárias, o que em muito contribuiria para a alimentação da população, notadamente nesse período de pandemia do novo coronavírus. Graças à iniciativa do governador João Azevêdo, hoje 2.500 refeições são servidas em Campina”, afirmou.

Assessoria de Imprensa
Ana Cláudia Vital do Rêgo
Secretária de Estado do Desenvolvimento e da Articulação Municipal da Paraíba

Conheça Arlindo Farias, jovem que tem revolucionado a educação no Sertão da Paraíba

Um jovem da cidade de Paulista, Arlindo Alves de Farias, tem sido destaque na região do Sertão pela sua luta em prol da educação. Arlindo é filho adotivo do caminhoneiro Evilazio Alves de Sousa e da doméstica Marinez Rita da Silva. Do Sítio Queimado ao Curso de Direito da Universidade Federal de Campina Grande. Esta é a trajetória do jovem que decidiu iniciar um cursinho, como professor de redação, que tem transformado a vida de muitos estudantes há 05 anos.

O jovem, que sempre foi aluno de escola pública, conseguiu ser aprovado em 25 universidades, e hoje é estudante do 8º período do curso de Direito com apenas 21 anos. Arlindo destaca que sempre teve interesse em cursar Direito, pois foi criado em uma Zona Rural, onde via direitos da população serem negados.

“Eu morei na Zona Rural 16 anos. Sempre travei uma luta muito grande para ter acesso à educação. Na minha casa humilde, no sítio Queimado, não havia nem água encanada. Era uma realidade árdua, mas aquilo criou em mim um sentimento de defesa pelo coletivo. Eu queria voltar ali um dia e poder lutar para mudar aquela realidade. Eu e minha mãe cuidávamos do meu pai que tinha câncer de próstata. Todos os dias acordávamos de madrugada para encher os baldes. Era desafiador. Podia faltar tudo, mas não faltava amor e coragem de vencer”, pontua Arlindo.

Arlindo no Sítio onde viveu.
Foto: Arquivo Pessoal.

Mesmo em face dessa realidade, Arlindo lutou e conseguiu ser aprovado em diversas universidades federais do país e escolheu o Centro de Ciências Jurídicas e Sociais para cursar a universidade dos sonhos. No meio dessa trajetória, o jovem montou um cursinho de redação que visa preparar estudantes para o Enem.

“Eu fui aprovado em janeiro de 2018, no Enem, para cursar Direito. Logo após concluir o ensino médio. Mas, para mim, a minha aprovação não bastava, pois eu desejava ajudar outras pessoas na área que elas tinham mais dificuldade: redação. Por ter conseguido uma nota boa na redação do Enem 2017 – 940 pontos – decidi preparar jovens e repassar a eles tudo que aprendi. A partir disso, Paulista foi destaque estadualmente e nacionalmente na área de redação. Isso me faz ver que nada foi fácil, mas tudo valeu a pena”, destaca o jovem.

Arlindo representa a força de uma geração jovem determinada a mudar a realidade em que vive e que não mede esforços para buscar a renovação das atitudes em prol do bem de todos. O jovem pontua que seguirá com esse objetivo de transformar vidas na carreira jurídica:

“Ser inconformado com desigualdades sempre foi uma bandeira minha. Acredito que podemos ir além e que devemos lutar por mais oportunidades, defendendo a educação e a relevância que a mesma possui para um povo. No direito, já estou contornando esse olhar de defesa pelo bem público e seguirei uma carreira que busque ajudar mais vidas e cooperar para a construção de justiça, principalmente, social”, finaliza o estudante.

Redação Gabinete Paraíba