PROFISSIONAIS DA ENFERMAGEM PARALISARÃO AS ATIVIDADES NO DIA 07 DE ABRIL EM DEFESA DO PISO DA CATEGORIA

Em assembleia convocada pelo Sintab, os profissionais da enfermagem estiveram reunidos na manhã desta quarta-feira, dia 30, para deliberar e traçar estratégias sobre a paralisação nacional da categoria no próximo dia 07 de abril, que, em Campina Grande, acontecerá na Praça da Bandeira, a partir das 09 horas, pela aprovação da Projeto de Lei 2564. No encontro, também foram repassadas informações sobre o trâmite na Câmara dos Deputados do PL-2564, que tem o objetivo de regulamentar o piso da enfermagem.

IMAGENS ASSEMBLEIA SINTAB

Embora categoria tenha obtido uma vitória no plenário da Câmara com a aprovação do requerimento de urgência, o presidente do Sintab Giovanni Freire alertou que não é hora de baixar a guarda. “Não tem nada garantido que será pautada e haverá votação no final de abril. A dinâmica parlamentar pode fazer com que tudo mude de repente”, disse Giovanni.

O diretor do Sintab Napoleão Maracajá clamou por união da categoria em defesa do piso nacional da enfermagem. “Sabemos que a luta é difícil, juntar gente é difícil, mas qual é o outro caminho que nós temos?”. Fraklyn Ikaz, também diretor do Sintab, afirmou que somente através de pressão é que a enfermagem vai conquistar algo.

A categoria também sugeriu estar presente nesta quinta-feira, dia 31, em João Pessoa, na coletiva de imprensa do Partido Progressistas. O evento será realizado a partir das 9h, na Priscylla’s Hall e contará com a presença do Presidente da Câmara dos Deputados Arthur Lira. O objetivo é, além de usar as redes sociais, pressionar Lira para pautar a PL-2564 na Câmara o mais rápido possível.

Os profissionais da enfermagem são uma categoria composta por enfermeiros, técnicos, auxiliares e parteiras. Conforme a proposta do PL-25964, o valor mínimo inicial para os enfermeiros será de R$ 4.750, a ser pago nacionalmente pelos serviços de saúde públicos e privados. Nos demais casos, haverá proporcionalidade: 70% do piso dos enfermeiros para os técnicos de enfermagem; e 50% para os auxiliares de enfermagem e as parteiras.

Participe do abaixo-assinado em defesa do PL-2564 clicando aqui: https://chng.it/qthSYZRQ. Para mais informações, entre em contato pelo fone (83) 3341-3178, ou através das redes sociais do Sintab no Facebook e Instagram.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s